#Rapidinhas: Novo Selo literário e A recusa de Paulo Coelho

Escrito por Miaka J. S. Freitas - segunda-feira, outubro 07, 2013


Duas coisas a se comemorar aconteceram nessa semana. Alguns leitores já devem ter visto ambas as noticias, mas nada custa propagar mais ainda tais noticias. 

A primeira é algo mais como um “tiro no pé” do governo Brasileiro. Paulo Coelho recusou o convite do Ministério da Cultura de representar a literatura brasileira na feira em Frankfurt. Alegando ter 70 pessoas que receberam o convite (vide lista), e dessas menos de 20 são escritores conhecidos pelo autor e por autores como André Vianco, Carolina Munhóz, Thalita Rebouças, Raphael Draco e Eduardo Spohr, conhecidos por um publico enorme de leitores no Brasil e exterior, não receberam tal convite do Ministério, recusou a sua visita a feira para representar esse nosso universo nunca tão valorizado que é o literário.  






A entrevista foi concedida para o Jornal da Alemanha chamado Die Welt, que saiu nesse domingo, dia 6 de Outubro, feita pelo Jornalista Martin Scholz

A entrevista pode ser lida no site do autor


A segunda coisa é uma ótima oportunidade para autores e leitores, já que pelo desmerecimento de nacionais e dos autores do país por parte das editoras (vimos nesse ano mesmo um quadro bem delicado de editoras que cancelaram selos para livros nacionais), acabamos de ver a revitalização da Rocco, que sexta anunciou em sua fanpage no facebook, que a empresa contará com um selo de Literatura Nacional, e que dois nomes de peso nesse cenário: Raphael Draccon e Carolina Munhóz assinaram contrato com a editora nessa sexta, dia 4. 
 

Mais informações em breve, e a noticia pode ser vista na fanpage da Rocco.



  • Compartilhe:

Você poderá gostar também

2 recados

  1. Acho que nem posso dizer que o Ministério da Cultura só dá valor ao mainstream literário, pois nem o Paulo Coelho conhece os convidados. BraZzZil! hah

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pior, porque os nomes mais conhecidos como André Vianco, Eduardo Spohr e Raphael Draccon nem foram convidados... Isso é uma tristeza para o nosso País, que literalmente não incentiva a literatura!

      Excluir

Seu comentário é muito importante para o crescimento, amadurecimento e manter a qualidade do blog.
Todos os comentários serão respondidos, então marque as notificações!
Deixe seu link no comentário, terei o prazer de retribuir a visita.
Segui. Segue de volta? Se eu gostar, seguirei com prazer!
Beijinhos da Miaka-chan =*